Chico & Millor

Publicado em 29/03/12

Mesmo num país que se congratula pelo inabalável bom humor da população, não há como evitar o lugar-comum da “perda insubstituível” para comentar o desaparecimento, em curto intervalo de tempo, de dois de seus maiores artistas, Chico Anysio e Millôr Fernandes. O talento cênico de Chico Anysio o transformou num grande criador de personagens, capaz de fixar para a imensa maioria dos brasileiros as variedades de seus traços regionais, as mudanças de seus hábitos cotidianos e as fraquezas, nem tão mutáveis, de sua vida política.

O talento de Millôr Fernandes encaminhou-se para formas bem diferentes de expressão. Foi nas artes visuais, área em que demonstrou impressionante versatilidade, e na palavra escrita, no epigrama, na fábula, na poesia e na tradução, que Millôr soube transcender, rumo a altos níveis de estética e erudição literária, o âmbito do puro entretenimento, em que foi, não obstante, um mestre”.

Folha de S.Paulo.  Editorial.29/3/2012

Roberto Nasser

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Ciências Humanas