Notícias da Argentina

Semana passada recebi uma mensagem de um sobrinho meu que é mais ou menos da idade de vocês das 3ªs séries e está na Argentina. A imagem que ele tem do país vizinho é tão  pitoresca que  eu gostaria de partilhar com vocês. A mensagem diz mais ou menos o seguinte:

“… e além disso, tio, os argentinos são um povo muito esquisito: jogam um jogo  chamado rugby, vão às ruas protestar contra as mancadas do governo e colocaram na cadeia os militares da última ditadura que eles tiveram por lá,  que mataram e torturaram as pessoas. Dá pra acreditar? Isso tudo aconteceu a  uns vinte e tantos anos e os caras ainda se importam com isso!  Tem um grupo de velhas [OLHA O RESPEITO, MOLEQUE!]  que vai todo dia na frente da Casa Rosada (o Palácio do Planalto deles) exigir  que os militares responsáveis pelo desaparecimento de seus entes queridos e pelo sequentro de seus netos, sejam punidos. E está dando certo!  A Suprema Corte da Argentina (que é o órgão máximo da Justiça de lá) disse que os crimes cometidos por eles (os militares) não foram políticos, mas comuns, e por isso eles (os militares) não têm direito nenhum a qualquer anistia, como se fala aí no Brasil.  A Argentina não tem nem de longe o nosso crescimento econômico e ficam aí se preocupendo com estes detalhes. Tio: como são loucos esses argentinos!  Só falta falar que o Maradona jogou melhor que o Pelé.”